Arquivo

Posts Tagged ‘tiroporradaebomba’

Diversão chegando…

15 de agosto de 2014 1 comentário

…mas ainda não é o 70.3 de Foz!!!

Esse domingo é dia da 2ª etapa do Estadual de Triathlon e lá estarei eu novamente…

Rio Triathlon

Dessa vez tenho a desculpa perfeita pra minha lerdeza natural: faltam só duas semanas pro 70.3 de Foz e não posso correr riscos desnecessários… 😀

Brincadeiras à parte, vou realmente tentar fazer a prova da melhor maneira possível. Tô encarando como uma excelente oportunidade de fazer um treino de transição com toda a estrutura e estresse de uma prova.

Vai ser excelente!!!

O único porém, é que pra não atrapalhar meus treinos pra Foz, no sábado, amanhã, véspera da prova, preciso fazer meu último longo de bike. E ele tem que ser feito por vários motivos, dentre os quais, o principal é o teste da nova posição do guidon que estou muito esperançoso de que resolva o problema das minhas dores no pescoço.

Muito provavelmente estarei com as pernas bem pesadas no domingo mas quem está na chuva é pra se molhar.

Ahh, e nesse meio tempo tô tentando pedalar sempre que possível. Não deu pra ir nadar? Pedal! Não deu pra ir correr? Pedal! Tudo isso no rolo mesmo que é o que dá!!!

bi1

Vamos que vamos!!!

Ironman 70.3 Foz do Iguaçu – Tá chegando…

7 de agosto de 2014 6 comentários

Desde a maratona que todos os pensamentos mudaram para o 70.3 de Foz, que acontecerá no próximo dia 30.

Triathlon

Como de costume, as coisas não ocorreram conforme o planejado (ok, por total descaso da minha parte) e por isso a prova provavelmente vai ser feita “no conforto”.

O que é, para mim, fazer uma prova no conforto?

É não se preocupar com tempo. É conseguir aproveitar a prova pra me divertir. É cruzar a linha de chegada sorrindo. É lembrar, no dia seguinte, que não houve sofrimento. Etc.

Vamos ao que anda rolando nos treinos:

Natação:

Basicamente, falta aprender a nadar!

Muito tempo sem nadar. Essa semana consegui ir dois dias e ainda espero conseguir ir amanhã, sexta, pra completar 3 x na semana. Será???

Os volumes diários, quando vou, estão entre 2.000m e 2.500m dependendo do tempo que tenho pra ficar na piscina. Normalmente só tenho conseguido curtas “escapadas” e, como sou lento, a distância fica prejudicada.

O lado positivo é que mesmo sem nadar a bastante tempo, tenho conseguido nadar essas distâncias saindo da piscina leve, com aquela sensação de “quero mais”, só não podendo ficar mais um pouco pela falta de tempo.

É pouco, eu sei, mas ainda tenho 3 semanas até a prova e acho que, dentro da minha (falta de) capacidade, vai dar pra fazer uma natação legal.

Ciclismo:

Tá faltando volume!

No último sábado fui novamente, depois de vários sábados com chuva, para a estrada. O começo foi até bom mas depois de uns 40/50km o pescoço começa a incomodar demais e drena todas as minhas energias. É impressionante a força que preciso fazer pra manter a cabeça olhando pra frente. Chega a ficar perigoso…

Fato é que 40/50km é praticamente a metade da etapa do ciclismo, ou seja, providências precisam ser tomadas. E foram!

Acho que depois de muito tempo pedalando tão pouco, o corpo desacostumou e pra evitar o sofrimento, abri mão de um pouco da aerodinâmica. A posição na bike estava muito agressiva e resolvi, em comum acordo com o Genésio (excelente profissional que fez meu Bike Fit), resolvi levantar o guidon em 1 elo.

Sábado é dia de novo teste na estrada e tomara que consiga pedalar sem lembrar que o pescoço existe, como era antigamente…

Ahh, espero também que no ano que vem o pescoço volte a aguentar a posição pq tem o Iron de Floripa de novo…

Corrida:

Aqui o que falta é o de sempre: velocidade!

Talvez essa seja a única etapa da prova que eu esteja, embora não muito assumidamente ainda, preocupado em fazer bem feita.

Pra fazer a prova “no conforto” to bem tranquilo. Acabei de fazer a Maratona do Rio e o volume está muito acima do que seria necessário pro 70.3. Nesse mês de distância entre a maratona e o meio Iron, todo o foco da corrida está na velocidade. Qualquer segundo que eu conseguir ganhar no pace médio, pra mim, é lucro.

Cheguei a falar pra alguns amigos mais próximos que nesse mês ou eu ia ficar mais rápido ou ia me machucar pq só ia ter treino forte. Só tiro, porrada e bomba, como diria a “pensadora”… Óbvio que foi um exagero. Com certeza o resultado seria a lesão e não é isso que eu quero. Mas com certeza os treinos estão mais focados na velocidade, já que o volume está sobrando…

 

Agora é treinar, sem tentar compensar o que não foi treinado, pra se divertir.

 

Espero poder colocar algumas fotos sorridentes aqui depois da prova!!!

 

Abraço e vamo que vamo!!!

%d blogueiros gostam disto: