Arquivo

Posts Tagged ‘rotina’

2014 ficou pra trás…

3 de janeiro de 2015 Deixe um comentário

O ano de 2014 se foi…

Foi um ano de provas interessantes e treinos nem tanto…

Tempo

Ano de pouco tempo pra treinar e menos ainda pra escrever aqui…

Mas, no fundo, foi um ano legal…

Fiz provas bacanas, tive resultados compatíveis com o que treinei, fiz amizades novas (reais e virtuais), aproveitei o que tinha pra aproveitar, sofri com o que tinha que sofrer e me diverti demais com o que tinha que me divertir…

Mas e de ruim, o que teve??? Sei lá, prefiro lembrar do que foi bom… E sinceramente, não me lembro de nada tãão ruim assim que seja digno de recordação…

Vamos com tudo pra 2015 pq esse sim, vai ser sensacional, vem aí o Desafio do Dunga, o 70.3 de Brasília e novamente o Ironman Brasil – Florianópolis!!! Quem sabe não rola uma sorte e eu consigo ser sorteado pra Maratona de Nova Iorque??? Sei lá né???

Medida

Os números de 2014 foram:

Natação – 115km

Bike – 2.155km

Corrida – 1.510km

São números muito baixos pra quem fez um 70.3 (Foz do Iguaçu), uma Maratona (Rio) e agora, no comecinho de janeiro vai correr o Desafio do Dunga.

Provavelmente, se tudo correr bem, na metade de 2015 esses números já terão sido superados… rs

É torcer pra que tudo dê certo e cair dentro.

Tomara que o 2015 de vocês seja igual ao meu: sensacional!!!

Fui!

Anúncios

(Re)Estabelecendo a rotina…

12 de novembro de 2014 9 comentários

Manter uma rotina de treinamentos é a parte mais importante para a melhora da performance nos esportes.

Rotina circulo

Infelizmente, pra mim, é também a parte mais difícil… Acaba sendo a mais difícil por vários motivos: falta de disciplina, falta de foco em uma prova, preguiça, falta de incentivo, sono… Enfim, qualquer coisa é motivo pra matar treinos e nisso, sou campeão!!! Aliás, era! A coisa está mudando…

Desde quando resolvi criar também um Instagram pro A Triathlon (segue lá: @atriathlon), comecei também a conhecer mais pessoas, a divulgar mais alguns treinos que faço e principalmente a receber um incentivo muito legal. O incentivo vem de pessoas que conheço pessoalmente, pessoas que conheço virtualmente e até de pessoas que nem conheço!!!

Das pessoas que conheço apenas no mundo virtual, tenho que destacar 3: Milton (do blog Vinte Semanas), Maria (do blog A Maria, o Triathlon…e um pouco das outras coisas…) e a Michelle (nem sei se tem blog…).

Os 3 fazem parte do mundo do triathlon, cada um de um canto diferente desse Brasil tão grande, cada um com seus treinos, suas dificuldades e suas motivações. E sempre um dando força pro outro nos treinos e provas, mesmo que de longe… Esses 3 são fantásticos incentivadores!

Pra se ter uma ideia do que estou falando, esse aí foi meu calendário de treinos do mês de outubro. Como pode ser visto, somente em 5 dias é que não fui treinar. E podem ter certeza de que eu tinha um excelente motivo.

Outubro

A coisa chegou num ponto que quando a preguiça aperta, eu chego a gastar um tempo pensando no que vou dizer pra eles pra justificar a “matada” de treino… Como minha criatividade não é lá grandes coisas, acabo indo treinar…

Obviamente que com o Desafio do Dunga se aproximando, os treinos de bike estão em segundo plano, mas olhando assim, sem analisar muito, arrisco até a dizer que estou treinando mais agora do que na época do Iron!!!

Miltão, Maria e Michelle, vocês estão me transformando num monstro!!! Muito obrigado!!!

Quem dera ser um peixe…

27 de outubro de 2014 1 comentário

Sempre me gabei de que na vida, quando queremos realmente conquistar/fazer alguma coisa, a primeira coisa que devemos fazer é tomar a decisão de conquistar/fazer aquela coisa.

Quando decidi, por exemplo, fazer o Ironman, eu fui lá e fiz! Mesmo com muitas pessoas me falando que seria impossível, eu fui lá e fiz!… Que gente louca, se falei que vou fazer, é por que vou e ponto final, pensava eu, lá mesmo no site do Ironman tem escrito “Anything is possible!”… E mais uma vez eu digo: fui lá e fiz!

É óbvio que uma pessoa que não está treinada o suficiente não acorda num dia e simplesmente faz o Ironman porque decidiu fazer… É preciso um período de muita dedicação, trabalho e privação, mas, no final das contas, você acaba curtindo a evolução e, no dia da prova mesmo, é só diversão… Das melhores…

Nem sempre também as coisas acontecem nos treinos da maneira que desejamos que aconteçam… Temos dias bons e ruins (já até falei sobre isso), treinos em que tudo dá certo e outros que nos dão a certeza de que não conseguiremos fazer a prova (Olha que idiotice?!?!), e são esses que mais nos fazem evoluir… A gente acaba indo provar, só de teimosia, que podemos fazer aquilo. E de maneira muito melhor… Aí a gente vai lá e faz! Claro que os treinos em que tudo dá certo são excelentes pra ganharmos confiança. Confiança é fundamental…

Esse texto todo foi pra falar que tomei mais uma decisão: Vou melhorar minha natação!

nemo_4

Quem me acompanha por aqui sabe o quanto eu sofro nessa modalidade. Fato é que tudo nessa vida tem uma explicação. Nunca treinei natação da maneira que deveria. Mesmo na época do Iron, em raríssimas ocasiões fui à piscina 3 vezes na semana… Ia normalmente 2 vezes e em algumas semanas apenas uma solitária nadada… Como pode alguém querer nadar melhor assim??? Impossível.

Pois é, uma vez que a decisão de melhorar foi tomada. Vou nadar 3 vezes na semana! Óbvio que nem sempre vou conseguir, mas que as 3 vezes sejam a regra e não a exceção!

Inclusive, treinando com mais regularidade, pude mudar a metodologia dos treinos e as séries de natação que estou fazendo agora me forçam a verificar semanalmente a evolução que estou conseguindo… Vamos ver se vai funcionar…

Ainda não sei quando vou conseguir verificar a evolução numa prova, mas tb não estou com pressa, a meta é nadar bem no Ironman Florianópolis 2015!!!

Vamos que vamos e, aconteça o que acontecer, continue a nadar…

Dori

Motivação

11 de agosto de 2012 Deixe um comentário

Depois de atingida uma meta desafiadora é difícil continuar a caminhada…

Minha grande meta do ano era a Maratona do Rio de Janeiro e ela foi alcançada. E diga-se de passagem, com todas as dificuldades que fazem com que a conquista fique mais saborosa…

A motivação vai ter que vir, por bem ou por mal. Rsrsrs.

É normal que a motivação para continuar os treinos diminuam um pouco, porém, no meu caso especificamente, a minha grande meta do ano era apenas uma das  “sub-metas” que criei para chegar até a grande meta que é o Ironman Brasil 2013. As  outras são a Travessia dos Fortes 2012 (já foi) e 2013 e o Ironman 70.3 Miami, e esse é o meu problema.

O Ironman 70.3 Miami será dia 28 de outubro de 2012 e o início dos treinos específicos eram pra ter iniciado em 11 de junho de 2012. Essa data era a praticamente 1 mês da Maratona do Rio, o que me levou a cortar todo o primeiro mês de treinos. O problema não seria tão grande se a ressaca depois da Maratona e da meia maratona Asics Golden Four não tivesse sido tão grande.

Passei 1 semana completamente parado e tive que retornar aos treinos de maneira bem lenta pra evitar problemas. O corpo está bem fadigado e qualquer exagero agora pode colocar tudo a perder…

Somente agora, na metade de agosto, faltando 2 meses e meio pra prova é que estou conseguindo retomar a rotina: natação 2 vezes na semana, pedal 2 vezes na semana e corrida 2 vezes na semana. Pra completar, vou ter que entrar na musculação pra não piorar o problema do joelho, que ainda incomoda.

É preciso muita dedicação…

 

O Carnaval…

24 de fevereiro de 2012 Deixe um comentário

Durante o carnaval, só os fortes conseguem manter inalterada a rotina dos treinos… Ainda não cheguei nesse nível, mas estou no caminho…

Estava até bem intencionado para manter a rotina de treinos no carnaval, mas dizem que de boas intenções o inferno está cheio…

A primeira baixa da época das festividades da carne foi saber que a piscina que treino ficaria fechada de sábado até quarta. Acho interessante saber que um clube não funciona em feriados. Talvez seja exatamente a época mais importantes para os associados frequentarem mas eles devem saber o que fazem. Com isso, minha natação seria reduzida para 1 único treino no mar durante esse período e acabou não se realizando. A temperatura da água estava absurdamente gelada. Impossível, pra mim, nadar com aquela temperatura.

A segunda baixa foi no pedal. Já iniciei o sábado um tanto quanto alterado pq “meti o pé” na sexta-feira, logo, não consegui acordar. Sábado era dia de corrida e não de pedal, que seria feito no domingo, porém, como a Maratona do Rio está chegando, só faltam 135 dias, minha prioridade é a corrida e então, ela foi “empurrada” pra domingo e o pedal foi perdido, em parte. Como furou no domingo, tive que sacrificar a segunda-feira para um pedal de 45km nas montanhas da Floresta da Tijuca. Pedal agradável fazendo bastante força e deixando as pernas tremendo.

A corrida é que foi a parte boa da história, tirando o sábado não tive problemas, mas como ele foi compensado no domingo, posso dizer que cumpri direitinho o programado. Foram 18km no domingo num pace de 6:15min/km, 12km na terça num pace de 5:25min/km e fechei a semana na quinta com tiros de 500m para 2min cada um (pace de 4min/km).

Finalizei a semana com 4km de natação, 45km de bike e 36km de corrida. Até que não foi tão ruim, mas poderia ter sido muito melhor…

A alegria de correr no carnaval é retratada nesta foto tirada do blog Correndo o Mundo _ Lia Campos (http://liaccampos.blogspot.com).

Treinar no carnaval é para os fortes e um dia eu chego lá.

%d blogueiros gostam disto: