Inicial > Curiosidades > Com ou sem unhas???

Com ou sem unhas???

Essa semana fui desafiado via Instagram pelo grande triatleta Milton do blog “20 semanas” a mostrar os pés (no caso só um deles pq é pra usar um pé com o tênis que se usa pra correr e outro descalço).

pés

Isso tem se tornado uma febre no Instagram nos perfis de esportistas sérios ou de “final de semana”, como eu. Os que tem os pés destruídos sofrem bullying por esse motivo e os que não tem os pés destruídos também sofrem bullying por que não tem os pés destruídos… As piadas não acabam…

É impressionante como tem pé destruído aparecendo por lá… Desde os que faltam algumas unhas, passando pelos que tem as unhas pretas e terminando nos que são cheios de calos. Não estou falando de pés feios ou pés bonitos, estou falando de pés com as “marcas das batalhas” ou sem elas…

Fiquei com uma dúvida: será que tenho todas as unhas, elas são da cor normal e não tenho calos pq pego muito leve nos treinos e provas? Ou seria algo como eu não ter uma tendência a ficar com os pés destruídos? Ou será que isso é causado por tênis apertados/largos? Será que não tem a ver com as meias?

Minha vida inteira li e ouvi as pessoas reclamando que terminaram as provas com enormes bolhas de sangue, sem alguma unha etc e jamais tive problemas desse tipo. Óbvio que às vezes tenho uma bolhinha aqui e outra ali mas normalmente quando a corrida acontece na chuva…

Sempre achei que fosse um pouco de exagero mas agora pude perceber que a coisa é séria!

Será que temos realmente que carregar as “marcas das batalhas” nos nossos pés ou temos como evitar isso?

Se alguém conseguir responder às minhas dúvidas, agradeço bastante… Rs

Ahh, aproveita e bota a foto do pezinho pra jogo também… rs

Anúncios
  1. 15 de setembro de 2014 às 22:23

    Puxa!!! Seu pé está ótimo!!!! Eu que só dava umas corridinhas de leve, treino básico, vivia com bolhas, calos, etc. Agora estou “de castigo” e os meus pés estão lindos!!! Kkkk
    Abraço
    Vanessa

    Curtir

  2. 16 de setembro de 2014 às 7:55

    Hmmmmm… tô achando que tem que colocar um japonês na tua cola, parceiro. Dar uma acelerada nesse trem aí. Ou então teve uma paquitagem nas unhas antes da foto. Pode isso, Arnaldo? Kkkk
    Tô brincando meu amigo. Obrigado pela citação e pelo “grande triatleta”. Quem sabe “ouvindo” isso um dia eu chegue lá. Kkk
    Abração!
    Milton – http://www.vintesemanas.com.br

    Curtir

    • 16 de setembro de 2014 às 19:32

      Rapaz, tenho até medo de perguntar que parada é essa de japonês que vcs falam… Rsrsrs
      Sobre os pés, a única coisa que fiz foi colocar os dois apontando pra frente. E piso com os pés apontando pra fora… Hahaha
      Você sabe que é um grande triatleta!!!
      Abraço!

      Curtir

      • 16 de setembro de 2014 às 19:56

        Japonês nada mais é que um oponente imaginário. Porque enquanto a gente dorme tem algum japonês (no caso) treinando. Kkkkk
        Valeu meu amigo. #tamojunto na brincadeira!

        Curtir

      • 16 de setembro de 2014 às 20:19

        Haha, muito bom!

        Curtir

  3. deysicioccari
    16 de setembro de 2014 às 8:39

    Armando, tu só és um privilegiado!!! Eu sou daquelas que termina as provas com os pés quase amputados (rsrsrs). É um horror! Obs: linda a tatuagem!!!! 🙂

    Um abração

    Curtir

    • 16 de setembro de 2014 às 19:35

      Tá vendo como tem exagero na parada?!?! Pés quase amputados foi ótimo, mas foi demais… Rsrsrs
      Eu realmente gosto muito da minha tatuagem. Um dia coloco a foto dela inteira. Acho que nunca fiz isso…
      Abraço Deysi!

      Curtir

  4. 16 de setembro de 2014 às 17:04

    Nossa, seu pé tá perfeitinho.
    Posso dizer que não tenho mil calos nos pés, mas vire e mexe minhas bolhas ficam com sanguinho pisado. Feio de se ver. Mas fazer o que, não é mesmo? Vida de corredor(a) é assim mesmo. ahahahahaha
    Agora, por vcs ser triatleta, está privilegiado com esse pézinho limpo, hein?!?! rsss
    Bjs

    Curtir

    • 16 de setembro de 2014 às 19:38

      Hahaha, pezinho limpo foi bom tb…
      Não posso judiar demais dos pés, afinal, são eles que me carregam nessas loucuras que eu teimo em ficar fazendo, né?
      Abração Carol!

      Curtir

  5. 19 de setembro de 2014 às 8:52

    Fala Armando, tudo tranquilo? Tem exagero na história toda. rs
    Bolhas são causadas por várias razões: Tênis de tamanho errado (geralmente maior), não amarrar bem o cadarço para fixar o tênis no pé, alguns tênis são meio altos e acabam deixando o pé solto dentro do tênis.Tudo isso promove a fricção do pé na meia e meia na palmilha e uma pele, quando muito friccionada descola e forma a famosa bolha. Já tive essa experiência com alguns tênis que testo e na hora que sinto que vai descolar (geralmente já descolou) eu paro o treino. Tenho que preservar a ferramenta que nos faz ser corredores, né? kkk
    Agora unha tem vários motivos para cair. Um pode ser o próprio tênis, a costura da biqueira ou a costura da meia ficam entrando embaixo ou raspando na unha e ela enfraquece. Outro ponto é que o fato de corrermos gera zonas de pressão e sangue nos dedos, ai a unha vai escurecendo e/ou cai. Processo normal também. Puta aflição, mas é normal o corpo trocar o que está ruim por algo novo e melhor.
    Galera exagera, mas temos que cuidar dos nossos pés.
    Gde abraço e bons treinos!

    Curtir

  6. 28 de janeiro de 2016 às 11:17

    que pé gostoso!!!!!!!! chupava esses dedos todinhos!!!!!!!!!!!

    a galera da BAgaça do Guttao se ver esse péo vai ao delirio!

    Curtir

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: